Assembleia Municipal aprova orçamento de 7,6 ME da Povoação


 

Lusa/AO Online   Regional   30 de Nov de 2015, 18:27

A Assembleia Municipal da Povoação aprovou hoje, com os votos a favor do PS e a abstenção do PSD, o Plano e Orçamento para 2016, no valor de cerca de 7,6 milhões de euros.

De acordo com a nota de imprensa da câmara, pretende-se dar continuidade em 2016 à redução da dívida, considerando-se que “este foi sempre um grande cavalo de batalha” do executivo camarário.

A autarquia, cujo presidente, o socialista Carlos Ávila, renunciou hoje ao mandato, a partir de 31 de dezembro, considera que a dívida da autarquia já se encontra em “níveis muito mais aceitáveis”, acrescentando que essa caiu “abruptamente dos 37,6 milhões de euros, em 2009, para 5,4 milhões em novembro de 2015”.

De acordo com o executivo socialista, o orçamento para 2016 vai ficar caraterizado pelo não aumento de impostos e pela redução do IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis), medidas que considera irem “beneficiar, uma vez mais, as famílias e as empresas do concelho”.

Além de continuar a reduzir a dívida a terceiros, o documento agora aprovado pela Assembleia Municipal da Povoação pretende diminuir os custos de funcionamento, cumprir com o limite de endividamento líquido e reforçar o investimento em programas sociais.

“O Orçamento para 2016 fica assim registado como o sétimo consecutivo sem aumento direto de impostos aplicados pela Câmara da Povoação às famílias e às empresas do município, motivos que enchem de orgulho o grupo liderado por Carlos Ávila”, refere a nota.

Na componente social, o orçamento da câmara contempla um “fortíssimo reforço”, onde serão investidos cerca de 600 mil euros em programas sociais.

O Plano Plurianual de Investimentos (PPI) do documento para 2016 é de cerca de 1,6 milhões de euros, contemplando a obra do Pavilhão Multiusos de Furnas e o respetivo parque de estacionamento na zona envolvente.

O documento prevê ainda a proteção oeste da orla costeira da Povoação, a criação de um posto de turismo na vila e a construção de uma ponte na travessa da Lomba do Alcaide/Lomba do Loução, entre outras obras, no total de cerca de um milhão de euros, sendo as obras comparticipadas por fundos comunitários.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.