Açores vão ter programa de apoio e carta regional de prevenção de dependências

Açores vão ter programa de apoio e carta regional de prevenção de dependências

 

Lusa/AO Online   Regional   2 de Dez de 2016, 16:43

O Governo dos Açores vai criar, no próximo ano, um programa de apoio às famílias com problemas de dependências, anunciou hoje o secretário regional da Saúde, Rui Luís.

 

“O nosso desafio é estudarmos, com a [Secretaria da] Solidariedade Social, uma forma de apoio às famílias que vivem diariamente esses problemas de descendentes com toxicodependência ou outro tipo de dependências, no sentido de não ficarem sozinhos a lidarem com esse problema”, disse Rui Luís.

O responsável falava à margem do colóquio internacional “Consumo de substâncias e comportamentos aditivos, velhos e novos desafios”, em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, ocasião onde assumiu que o executivo açoriano quer, através desse programa, “estudar uma forma de inserir essas pessoas na sociedade ao nível de empregabilidade”.

“Numa primeira instância, passa pelo apoio de técnicos da área da saúde (…). Numa perspetiva secundária, trata-se da inserção dessas pessoas na sociedade, que é fundamental para elas não ficarem num gueto isolado”, declarou.

No discurso de abertura do encontro, Rui Luís adiantou ser também intenção criar “uma carta regional de prevenção” à semelhança da já existente “carta nacional de prevenção”.

“Durante um ano, o movimento, que já está aberto nos Açores, vai receber contributos de toda a sociedade em geral sobre as políticas de prevenção que devem ser implementadas, tendo em conta as características próprias dos Açores”, sublinhou.

O secretário regional da Saúde explicou que o objetivo “é ter um documento orientador” para todas as áreas “onde a prevenção é possível de se efetuar”.

“Daqui a um ano teremos um fórum final onde iremos assinar com as várias associações que estão no terreno e que trabalham nessa área uma carta de prevenção para os Açores. (…) Estamos a falar numa carta de prevenção para a saúde no seu global e irá abranger todas essas áreas [das dependências]”, referiu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.