Transmaçor incorporada na Atlânticoline com assinatura de escritura

Transmaçor incorporada na Atlânticoline com assinatura de escritura

 

LUSA/AO online   Economia   9 de Set de 2015, 17:04

A "fusão, por incorporação", das duas empresas públicas de transporte marítimo de passageiros e viaturas dos Açores foi hoje formalizada com a assinatura da escritura, passando os bens da Transmaçor para a Atlânticoline

O presidente da Atlânticoline, João Ponte, disse aos jornalistas, em Ponta Delgada, que fica assim concluído um processo com vantagens ao nível dos custos, mas também da eficiência da operação, embora houvesse já uma articulação entre as duas transportadoras.

“Foi uma fusão por incorporação. A Transmaçor foi incorporada na Atlânticoline, que recebeu os ativos e os passivos”, afirmou, sublinhando que “não fazia sentido” manter duas empresas com o mesmo objeto social detidas pela região.

João Ponte assegurou que, na prática, os passageiros não vão aperceber-se da alteração, mesmo que durante algum tempo ainda se fale na Transmaçor.

“Será uma fusão tranquila, sem qualquer percalço”, considerou.

Em funções há cinco meses, João Ponte irá manter o seu gabinete nas instalações da Atlânticoline em Ponta Delgada, enquanto a sede social será transferida para a Horta, no Faial, como prevê uma recomendação aprovada por unanimidade no parlamento regional.

O Conselho do Governo Regional dos Açores aprovou no final de março a fusão das duas empresas.

A Atlânticoline realiza ligações sazonalmente em toda a região e durante todo o ano entre as Flores e o Corvo, enquanto a Transmaçor opera diariamente no grupo central, nas ilhas do Faial, São Jorge e Pico.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.