RTP/Açores com emissão nacional a partir de 08 de maio

RTP/Açores com emissão nacional a partir de 08 de maio

 

Lusa/AO Online   Regional   5 de Mai de 2015, 15:49

A RTP/Açores, que celebra este ano 40 anos de emissão, vai passar a ter distribuição a nível nacional a partir de 08 de maio, anunciou hoje o canal público de televisão.

“A partir de 08 de maio os operadores de cabo no continente asseguram a emissão da RTP/Açores a todo o país, estando desta forma concluída a distribuição dos canais regionais da RTP no cabo a nível nacional” adianta a RTP/Açores num comunicado, cumprindo assim um antiga ambição açoriana.

O canal regional refere que com esta cobertura nacional “a RTP pretende dar maior visibilidade à produção regional e fazer chegar os conteúdos dos canais regionais a todos os portugueses, especialmente às comunidades das ilhas que vivem no território do continente, contribuindo para uma maior proximidade entre as populações e a sua cultura”.

O comunicado ressalva, ainda, que o fim de semana de 08 a 10 de maio assume “uma especial relevância para a cultura açoriana”, devido à realização da festa do Senhor Santo Cristo dos Milagres, na ilha de S. Miguel, um momento de “importância simbólica e religiosa” para a grande maioria dos açorianos onde quer que se encontrem.

No domingo, dia 10 de maio, a RTP/Açores, RTP 1 e RTP Internacional emitem, em direto, a Solene Concelebração Eucarística, no Adro do Santuário da Esperança, em Ponta Delgada, com a presença da imagem do Ecce Homo.

Com a distribuição nas redes de cabo nacional, a RTP Açores irá reajustar a sua grelha de programas e informação, subdividindo a emissão de 24 horas diárias, de segunda a sexta-feira, em três segmentos.

Assim sendo, a produção regional diária fica concentrada entre as 17:00 e as 24:00 horas locais (mais uma hora no continente), as repetições de conteúdos regionais entre as 09:00 e as 12:00 locais, os simultâneos com a Euronews entre as 00:00 e as 09:00 e com a RTP Informação entre as 12:00 e as 17:00.

Ao fim de semana, a emissão é subdividida em apenas dois segmentos, sendo que a produção regional e conteúdos da RTP serão emitidos entre as 16:00 e as 24:00 horas locais, ficando o restante horário (00:00 – 16:00 horas locais) por conta da RTP Informação.

Desde março que a emissão da RTP/Madeira é distribuída por cabo, tendo a administração do canal público revelado que ainda este ano o mesmo sucederia com a RTP/Açores.

Após a tomada de posse do novo Conselho de Administração da RTP, a vogal Cristina Vaz Tomé deslocou-se aos Açores para conhecer a realidade do centro regional, que tem falta de meios tecnológicos e recursos humanos, tendo anunciado o desenvolvimento de “um novo modelo para o futuro do centro regional da televisão pública nos Açores, que deverá estar concluído em breve”.

“A RTP/Açores tem condições para ser emitida no cabo. Agora é preciso fazer alguns ajustes de grelha, que foi isso que nós combinámos com a direção do centro”, assegurou Cristina Vaz Tomé em março aos jornalistas.

No início de abril, no parlamento regional, a diretora da RTP/Açores, que iniciou funções em março, garantiu que o prazo de seis meses é "adequado" para um diagnóstico da situação da televisão e rádio públicas na região e encontrar soluções para as principais carências de instalações e modernização tecnológica.

A rádio e a televisão públicas têm atualmente nos Açores 125 trabalhadores, distribuídos por Ponta Delgada (100), Angra do Heroísmo (16) e Horta (09).

A RTP/Açores celebra a 10 de agosto 40 anos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.