Queijo da Cooperativa Ocidental dos Açores sem presença de bactéria listéria

Queijo da Cooperativa Ocidental dos Açores sem presença de bactéria listéria

 

LUSA/AO online   Economia   9 de Jun de 2017, 14:49

O Governo dos Açores revelou hoje que deram resultados negativos as contra-análises feitas a queijo produzido pela Cooperativa Ocidental, na ilha das Flores, onde há cerca de um mês foi detetada a presença da bateria "listéria"

A 16 de maio, o executivo regional revelou ter sido detetada a presença daquela bactéria num lote de queijos produzido na Cooperativa Ocidental, que foram retirados do mercado.

A bactéria foi encontrada num lote composto por 241 unidades de queijo, com aproximadamente 900 gramas cada, 108 dos quais já tinham sido vendidos.

"Hoje recebemos a confirmação por parte da Cooperativa Ocidental em relação às contra-análises feitas ao queijo e os resultados são negativos”, afirmou o secretário regional da Agricultura e Florestas, João Ponte, salientando que “o queijo está em condições normais e não há quaisquer restrições".

O titular da pasta da Agricultura sublinhou tratar-se de "uma boa notícia", admitindo que a deteção da presença da bactéria "criou alguma dúvida em relação à qualidade do queijo que era produzido pela cooperativa".

"Isto naturalmente pode colocar sempre receios nos mercados", acrescentou João Ponte, frisando que a presença da bactéria resultou de "um incidente que foi ultrapassado".

O secretário regional da Agricultura e Florestas sublinhou ainda que a cooperativa "irá continuar com os critérios rigorosos de qualidade" na produção de queijo.

Quando foi detetada a presença da bactéria, a Direção Regional de Agricultura decidiu, de imediato, a suspensão da venda e recolha de todos os queijos que integraram o lote, bem como a implementação de procedimentos de higienização, com o objetivo de "eliminar potenciais focos" da bactéria.

O executivo açoriano determinou, também, a recolha de amostras nos diversos processos de tecnologia alimentar, desde a receção da matéria-prima até à expedição do produto acabado, no sentido de "eliminar o possível foco de contaminação".

 

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.