Parlamento dos Açores vai avaliar impacto no turismo das novas ligações aéreas na região

Parlamento dos Açores vai avaliar impacto no turismo das novas ligações aéreas na região

 

Lusa/AO Online   Regional   13 de Fev de 2015, 06:20

O parlamento dos Açores vai criar um grupo de trabalho para avaliar o impacto no setor turístico regional das mudanças no transporte aéreo que entram em vigor em março e liberalizam algumas ligações entre o arquipélago e o continente.

Segundo a resolução hoje aprovada pelos deputados da região, a comissão de Economia do parlamento dos Açores vai fazer "um estudo de avaliação dos impactos" do novo modelo do transporte aéreo de e para os Açores "no setor turístico regional", devendo para isso constituir um grupo de trabalho que deverá produzir um relatório no prazo de nove meses.

O texto da resolução, uma iniciativa do PS, sublinha que "é de prever que o mercado turístico regional, e todos os setores com ele relacionados, seja confrontado com novos desafios e com uma pressão acrescida do lado da procura" quando foram liberalizadas as rotas que ligam o continente às ilhas da Terceira e São Miguel.

Os deputados referem que estas são as "rotas preferenciais de encaminhamento de turistas para a região" e que as chamadas 'low cost' (companhias de baixo custo) já anunciaram que vão começar a voar para os Açores em abril.

Atualmente, só a TAP e a SATA (as transportadoras aéreas nacional e açoriana, respetivamente) voam para os Açores.

CDS-PP e PCP abstiveram-se na votação desta proposta do PS, tendo os restantes partidos votado a favor.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.