Orçamento de Santa Cruz das Flores aumenta 30% em 2017

Orçamento de Santa Cruz das Flores aumenta 30% em 2017

 

Lusa/AO Online   Regional   7 de Nov de 2016, 09:35

O orçamento da Câmara de Santa Cruz das Flores, nos Açores, vai registar em 2017 um aumento de 30% face ao deste ano, devido aos fundos comunitários, permitindo realizar vários investimentos públicos no concelho, foi hoje anunciado.

O presidente do município, José Mendes (PS), adiantou à agência Lusa que no próximo ano a câmara terá um orçamento de 4,1 milhões de euros, quando em 2016 foi da ordem dos três milhões de euros, um “aumento de 30% que se deve aos fundos comunitários”.

“O orçamento foi aprovado, por unanimidade, na última reunião da autarquia [PS e PSD] e irá agora à Assembleia Municipal”, afirmou José Mendes.

Segundo o autarca, a rubrica relativa a despesas correntes, como os salários dos 55 funcionários do município, é responsável por “grande parte do bolo”, numa câmara que em que a receita própria “não vai além dos 280 mil euros”.

Quanto a investimentos, José Mendes destacou a aplicação de 1,5 milhões de euros no reforço do abastecimento de água e substituição da rede, sendo que na freguesia da Caveira as obras estão em execução, na freguesia dos Cedros está a ser preparada a candidatura a fundos comunitários e na Ponta Ruiva a candidatura já foi aprovada e a obra deve começar esta semana.

O autarca referiu, ainda, a construção de dois parques de merendas e lazer em Santa Cruz, num investimento total de 680 mil euros, e uma intervenção na zona balnear da Poça das Salemas, orçada em 120 mil euros.

À semelhança dos anos anteriores, para 2017 foi aprovada a aplicação no concelho da taxa mínima do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), 0,3%, e a redução máxima nos descontos do IMI em 10% para as famílias com um dependente a cargo, 15% para as famílias com dois dependentes e em 20% para as famílias com três ou mais dependentes.

Foi também aprovada a manutenção, no próximo ano, da taxa de participação no Imposto sobre o Rendimento de Pessoas Singulares (IRS) do município em 4%, assim como o pagamento de um euro por mês para consumo ilimitado de água e recolha gratuita de resíduos.

José Mendes acrescentou que a Câmara Municipal de Santa Cruz das Flores “não tem dívida” e paga aos fornecedores no próprio dia, “porque tem disponibilidade e para apoiar a economia local”.

Situado na costa leste da ilha das Flores, no grupo ocidental dos Açores, o concelho de Santa Cruz tem quatro freguesias, onde residem, de acordo com a estimativa provisória anual do Instituto Nacional de Estatística de 2015, 2.196 habitantes.

 

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.