Pintura

Obra "Ohhh Alright" de Lichtenstein vendida por 22,5 milhões de euros


 

Lusa/AO online   Internacional   11 de Nov de 2010, 10:25

A obra "Ohhh Alright", do artista norte-americano Roy Lichtenstein (1923-1997) foi vendida em Nova Iorque por 38 milhões de dólares (22,56 milhões de euros) num leilão de arte moderna e contemporânea realizado pela Christie's.
Contudo, no leilão, que decorreu quarta-feira à noite, a icónica obra inspirada na banda desenhada não chegou a ultrapassar os esperados 40 milhões de dólares (cerca de 29 milhões de euros).

E apesar de Lichtenstein ter sido o protagonista do leilão, o pai da pop art, Andy Warhol (1928-1987), monopolizou o dia com dezasseis peças sobre os temas recorrentes deste artista: objetos comerciais e figuras populares do mundo da arte, política ou do cinema.

A obra "Big Campbell's Soup Can with Can Opener (Vegetable)" (1962) atingiu 21,2 milhões de dólares (15,4 milhões de euros), "Campbell's Soup Can (Tomato)" (1962) atingiu 8 milhões de dólares (5,81 milhões de euros) e "Dollar Sign" foi vendido por 4,5 milhões de dólares (3,27 milhões de euros).

Do mesmo artista, um retrato de Marilyn Monroe atingiu 3,9 milhões de dólares e outro de Jacqueline Kennedy ficou por 1,4 milhões de dólares (1,07 milhões de euros).

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.