Museu Carlos Machado recebe Prémio Ibero-Americano de Museus

Museu Carlos Machado recebe Prémio Ibero-Americano de Museus

 

GAcS   Regional   5 de Dez de 2015, 10:29

O Museu Carlos Machado, em Ponta Delgada, foi galardoado pelo Programa Ibermuseus, no âmbito do VI Prêmio Ibero-Americano de Educação Museus, com o segundo lugar na categoria de projetos realizados e em curso, numa deliberação tomada quinta-feira, em Brasília, no Brasil.

 

O projeto “O Museu Móvel nas Sete Cidades – Um projeto em Andamento” foi distinguido entre 147 candidaturas pela ação que tem efetuado em campo e que reafirma o papel central do museu e do património cultural no processo de desenvolvimento da realidade social entre as comunidades onde esta atuação é realizada.

O Programa Ibermuseus procura, na esfera da Rede Ibero-Americana de Museus, formada pelos 22 países da comunidade ibero-americana, contribuir para o diálogo entre os setores público e privado no ambiente museológico e fomentar políticas de desenvolvimento social através da cultura e do património.

 

Com este prémio, o Museu Carlos Machado reafirma-se como um local de confluência de experiências, onde a dinâmica entre a memória que preserva e as vivências das comunidades onde atua mantém-se como um pilar da sua missão e do seu manifesto, ao mesmo tempo que fomenta a educação pela cultura e o seu dever de inclusão e de, no encontro geracional, preservar o conhecimento, refletido no património cultural, material e imaterial, da ilha de São Miguel.

 

O projeto Museu Móvel, que se realiza em parceria com a Cresaçor e tem percorrido a ilha de S. Miguel, trabalhou em 2015 com especial incidência na comunidade da freguesia das Sete Cidades, sendo agora reconhecido internacionalmente como uma iniciativa exemplar de transversalidade de conhecimentos, o do Museu e das suas coleções e o das populações onde atua, e como um mecanismo participativo onde se contribui para o desenvolvimento local através da cultura.

Este projeto continua atualmente a levar às diversas comunidades micaelenses o património cultural que o Museu Carlos Machado preserva e que, no próximo ano, terá a sua capacidade expositiva ampliada com a entrada em funcionamento do Convento de S. André que está a ser objeto nesta altura de obras de reabilitação.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.