Identificado fóssil mais antigo de um cogumelo

Identificado fóssil mais antigo de um cogumelo

 

Lusa/Açoriano Oriental   Ciência   7 de Jun de 2017, 18:47

Cientistas identificaram o fóssil mais antigo de um cogumelo, com 115 milhões de anos, preservado em calcário no nordeste do Brasil, divulgou em comunicado a Universidade de Illinois, nos Estados Unidos.

 

Até agora, o cogumelo fossilizado mais antigo, preservado em âmbar, tinha 99 milhões de anos e foi encontrado no sudeste asiático.

Os resultados da descoberta são publicados na revista científica PLOS One.

Segundo a equipa científica, o cogumelo, designado com o nome científico "Gondwanagaricites magnificus", tinha cerca de cinco centímetros de altura e pregas sob o chapéu em vez de poros.

Um dos coautores da investigação e especialista no estudo de fungos, Andrew Miller, salientou que os fungos "evoluíram antes das plantas terrestres e são responsáveis pela transição das plantas de um ambiente aquático para terrestre".

O fóssil do cogumelo foi descoberto quando o paleontólogo Sam Heads estava a digitalizar a coleção de fósseis da formação geológica de Crato, no Brasil.

O cogumelo terá 'viajado' por uma lagoa salgada, 'afundou-se' e foi coberto por camadas de sedimentos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.