FundoPesca atribui apoio de 254 euros a 1.400 pescadores açorianos

FundoPesca atribui apoio de 254 euros a 1.400 pescadores açorianos

 

Lusa/AO Online   Regional   11 de Dez de 2012, 06:38

Cerca de 1400 pescadores açorianos vão receber um apoio financeiro de 254 euros, correspondente a metade do ordenado mínimo, devido à quebra de rendimentos verificada nas capturas entre março e setembro deste ano.

O anúncio foi feito segunda-feira pelo diretor regional das Pescas, Luís Costa, no final de uma reunião, realizada na cidade da Horta, do conselho administrativo do FundoPesca, criado para apoiar os pescadores em caso de mau tempo e de quebra de rendimentos.

"De facto, verificou-se uma quebra de rendimentos nesses sete meses do ano. Por isso, decidimos, por unanimidade, atribuir o FundoPesca aos pescadores que preencham os requisitos", justificou Luís Costa em declarações aos jornalistas, no final do encontro.

Para aceder a este apoio, é necessário que as embarcações locais tenham efetuado 25 descargas em lota ou contabilizado 3.750 euros em vendas, ao passo que as embarcações costeiras devem ter um mínimo de 15 descargas ou 12.500 euros em vendas durante aquele período de tempo.

Luís Costa estima que os montantes totais do apoio (financiado pelo Governo Regional e pelo orçamento do FundoPesca) variem entre 350 e 400 mil euros.

O presidente da direção da Federação de Pescas dos Açores manifestou a sua satisfação pelo apoio concedido aos "pescadores mais necessitados".

José António Fernandes admitiu, no entanto, que entre janeiro e abril de 2013 possa ter necessidade de reivindicar de novo a atribuição do apoio, devido ao mau tempo esperado.

As candidaturas para a atribuição do FundoPesca estão abertas até meados de janeiro de 2013.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.