Fixação de jovens qualificados é preocupação do candidato do PS a Santa Cruz das Flores


 

Lusa/Açoriano Oriental   Regional   5 de Abr de 2017, 11:37

O presidente da Câmara de Santa Cruz das Flores eleito pelo PS, afirmou hoje que é recandidato para terminar o seu projeto, assumindo como principais preocupações as questões sociais e a fixação de jovens qualificados.

 

"A nossa grande preocupação serão sempre as pessoas. O nosso lema é as pessoas primeiro", disse à agência Lusa José Carlos Mendes que, se for reeleito para um segundo mandato, pretende dedicar a sua atenção "à fixação de pessoas, especialmente jovens qualificados".

O cabeça de lista, independente que encabeça a lista socialista à Câmara de Santa Cruz das Flores, destacou que a ilha padece de um "grave problema demográfico", porque a população está envelhecida, e "é preciso atrair novamente os jovens, sobretudo aqueles que saem para estudar e depois tendem a não regressar".

"É muito necessário e urgente fixar jovens e, principalmente, jovens com alguma qualificação", defendeu José Carlos Mendes, de 60 anos e bancário reformado.

Segundo disse o candidato, atualmente vivem em Santa Cruz das Flores 2.290 pessoas.

Para atrair população jovem qualificada, José Carlos Mendes adiantou que a autarquia tem em curso a criação da primeira incubadora de empresas no concelho, uma obra já adjudicada e que "terá capacidade para albergar entre sete a dez empresas nas mais diversas áreas".

Além disso, prometeu, se vencer as eleições autárquicas de 01 de outubro, continuar com os ateliês de tempos livres gratuitos, gratuitidade que se estende ao abastecimento de água e à recolha de resíduos sólidos.

Emprego, turismo e a questão social são outras áreas em que José Carlos Mendes quer dedicar "muita atenção" num futuro mandato autárquico, por entender que "há ainda muito trabalho por fazer".

"Decidi recandidatar-me porque penso que o nosso projeto ainda não está terminado e julgo que temos as condições para poder continuar", declarou o candidato.

Nas últimas eleições autárquicas, em 2013, o PS conquistou quatro mandatos, enquanto a coligação Novo Rumo para Santa Cruz, formada pelo PSD e CDS-PP, elegeu um vereador.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.