Dois portugueses no escrutínio do próximo presidente do PE

Dois portugueses no escrutínio do próximo presidente do PE

 

Lusa/AO Online   Internacional   17 de Jan de 2017, 07:25

Os deputados portugueses ao Parlamento Europeu Marinho e Pinto (PDR) e Ricardo Serrão Santos (PS) foram hoje sorteados como escrutinadores das eleições para a presidência da instituição, em Estrasburgo.

 

A presença lusa faz-se sentir em duas das oito urnas à disposição dos 751 deputados dos 28 estados-membros que vão escolher hoje o sucessor do socialista alemão Martin Schulz.

Os italianos Antonio Tajani (PPE) e Gianni Pitella (S&D) são os favoritos, com vantagem para o antigo comissário europeu de Durão Barroso, após desistência a seu favor do candidato belga da Aliança dos Democratas e Liberais pela Europa - ALDE) Guy Verhofstadt.

Marinho e Pinto (ALDE) ficou responsável pela primeira mesa de voto ("letras A-B"), enquanto o socialista Serrão Santos vai fiscalizar a urna "H-K".

Além do substituto de Schulz, que vai concorrer ao parlamento alemão nas próximas eleições e pode vir a desafiar a chanceler Angela Merkel, os eurodeputados vão ainda decidir sobre 14 vice-presidentes, cinco gestores (administração do PE) e os membros das 22 comissões permanentes.

A eleição para presidente começou perto das às 09:00 (horas de Lisboa) e pode ir até às 22:00, caso sejam necessárias uma terceira e quarta votações. Para uma eleição à primeira volta é necessária maioria absoluta dos votos expressos - metade dos votos expressos mais um.

Entre os inscritos estão ainda outra italiana Eleonora Forenza, membro da comissão executiva da Esquerda Unitária Europeia/Esquerda Nórdica Verde (GUE/NGL), a britânica Jean Lambert - Verdes/Aliança Livre Europeia, o romeno Laureniu Rebega (Europa das Nações e da Liberdade) e a belga Helga Stevens (Conservadores e Reformistas Europeus).

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.