CDS, PS,PSD e BE dividem os cinco deputados do círculo da compensação

CDS, PS,PSD e BE dividem os cinco deputados do círculo da compensação

 

Lusa/AO online   Nacional   16 de Out de 2016, 21:25

Os cinco deputados do círculo da compensação nas eleições regionais dos Açores deste domingo foram eleitos por quatro partidos: PS, PPD/PSD e BE, com um mandato cada, e CDS-PP com dois mandatos.

O círculo da compensação junta os votos que não foram aproveitados para a eleição de parlamentares.

O PS elegeu Ricardo Ramalho (que se candidatava pelo círculo da Graciosa), o PPD/PSD António Marinho (São Miguel), o BE Paulo Mendes (Terceira), e o CDS-PP Alonso Miguel e Maria Silveira (Terceira).

A distribuição dos deputados é feita consoante a população de cada ilha, mas também garantindo um mínimo de representatividade em cada círculo.

Por isso, apesar de a sua população corresponder a 55% dos 246 mil habitantes no arquipélago, a ilha de São Miguel tem apenas um terço (20) dos deputados no parlamento regional.

Por outro lado, a ilha do Corvo, a menor do arquipélago e com o concelho mais pequeno do país, tem dois deputados eleitos, apesar de ter somente cerca de 400 habitantes, que representam 0,18% da população açoriano.

Os círculos de ilha elegem 52 deputados regionais e os votos que, através do método de Hondt, não são aproveitados para essa eleição entram no círculo regional da compensação.

O PS conquistou hoje nova maioria absoluta nas eleições regionais dos Açores, ao conseguir eleger 30 deputados do total de 57 parlamentares da Assembleia Legislativa Regional.

O PSD conquistou 19 deputados, o CDS-PP quatro, o BE dois e o PCP-PEV um deputado e o PPM um deputado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.