Política

Berta Cabral quer reescrever a história como Manuel de Arriaga

Berta Cabral quer reescrever a história como Manuel de Arriaga

 

Lusa/AO online   Regional   5 de Out de 2012, 15:26

A candidata do PSD/Açores à presidência do Governo Regional, Berta Cabral, destacou hoje o exemplo de

“Manuel de Arriaga, como açoriano, reescreveu a história e qualquer açoriano pode reescrever a história”, afirmou Berta Cabral aos jornalistas, convicta que também ela irá reescrever a história dos Açores ao ser eleita a 14 de outubro a primeira mulher a chefiar o Governo da Região em 36 anos de autonomia. Berta Cabral falava junto à estátua de Manuel de Arriaga, na cidade da Horta, ilha do Faial, onde prestou homenagem ao “ilustre faialense”, depositando uma coroa de flores, no dia em que a República Portuguesa comemora 102 anos. “Manuel de Arriaga, natural desta ilha é sem dúvida nenhuma um exemplo de coragem, ética e sucesso”, referiu, salientando ser “uma pessoa de grande rigor, transparência e ser muito parcimonioso na forma como usava os dinheiros públicos e isso hoje em dia é mais do que nunca importante”. Segundo disse, Manuel de Arriaga é o exemplo de que se pode ter sucesso independentemente do local onde se nasce, porque foi um açoriano no mundo, que rompeu com a tradição monárquica da família para abraçar a causa republicana e sempre defendeu as suas causas mesmo indo contra os companheiros de partido. A candidata social-democrata parte esta tarde de barco para a ilha do Pico, onde, além de uma ação de rua na Criação Velha, terá um comício na Casa do Povo de S. Mateus. A oito dias do final de campanha eleitoral Berta Cabral já esteve em seis das nove ilhas açorianas.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.