Açores ganharam oito mil habitantes em 15 anos mas principais cidades perderam gente

Açores ganharam oito mil habitantes em 15 anos mas principais cidades  perderam gente

 

Lusa/AO Online   Regional   25 de Set de 2012, 09:41

Em década e meia a população dos Açores aumentou em oito mil habitantes, mas as duas maiores cidades, Ponta Delgada e Angra do Heroísmo, perderam população.

Entre 1996 e 2010 a população da Região Autónoma dos Açores aumentou de 237789 (117266 homens e 120523 mulheres) para 245811 habitantes, dos quais 121969 homens e 123641 mulheres, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

A tendência de crescimento não se verificou entre 1997 e 2000, anos em que a população decresceu de 237473 para 237028 habitantes.

Ponta Delgada, com 63 709 habitantes (31040 homens e 32699 mulheres) era, em 2010, a cidade com maior população, mas registando um decréscimo em relação a 1996, data em que somava 64 028 habitantes, dos quais 31 117 homens e 32851 mulheres.

Angra do Heroísmo, o segundo concelho em população, registou igualmente uma perda, descendo de 35075 habitantes em 1996 para 34858 em 2010.

A tendência de descida afetou ainda os concelhos de Calheta que, no mesmo período, perdeu 473 habitantes, Lages do Pico (587), Povoação (56) e Vila do Porto (156).

Ribeira Grande, o terceiro maior concelho da Região Autónoma dos Açores, lidera por seu lado, a lista das cidades cuja população cresceu.

Os 27684 moradores do concelho, em 1996, ascenderam, em 2010, a 31 608 (assinalando um crescimento de 3924 habitantes).

Lagoa, que em 2010 somava mais 2475 habitantes que em 1996, ocupa o segundo lugar na lista de concelhos em crescimento, seguida de Horta (mais 1246), Vila Praia da Vitória (834), Madalena (498), S. Roque do Pico (305), Santa Cruz das Flores (236), Santa Cruz da Graciosa (131), Corvo e Vila Franca do Campo (ambos com 112), Nordeste (42), Vela (25) e finalmente Lages da Flores com apenas mais oito pessoas.

Proporcionalmente a subida mais significativa registou-se no Corvo, onde a população aumentou de 395 habitantes (em 1996) para 507 (em 2010).

Já em Lages das Flores, apesar do aumento, a tendência foi de diminuição populacional entre 1997 e 2001. Nos anos seguintes o número de habitantes voltou a aumentar, com exceção de 2004 (em que perde um habitante).

Dos 18 concelhos da Região Autónoma dos Açores, dez (Corvo, Horta, Lagoa, Lage das Flores, Lages do Pico, Madalena, Ribeira Grande, São Roque do Pico, Velas e Vila Franca do Campo) têm mais homens que mulheres.

De acordo com os resultados dos Censo 2001 a densidade populacional no arquipélago formado por nove ilhas era de 104,12 habitantes por km2, enquanto no continente era de 110,84 e no país 112,38.

Em 2011, os resultados provisórios dos Censos davam nota de um aumento da densidade populacional que nos Açores ascendeu a 106,3 habitantes por km2, quando no continente o valor era de 112,8 e no país 114,5.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.