Açores são a região do país com melhor rácio de psicólogos nas escolas

Açores são a região do país com melhor rácio de psicólogos nas escolas

 

Lusa/Açoriano Oriental   Regional   1 de Fev de 2017, 16:34

Os Açores são a região do país com melhor rácio de psicólogo por aluno, com 66 profissionais no sistema de ensino regional, disse aos jornalistas a responsável no arquipélago pela Ordem dos Psicólogos.

"Temos 49 psicólogos efetivos. Comparativamente com o todo nacional, é o melhor rácio a nível do país de psicólogos nas escolas. Existem ainda mais 17 colegas a trabalhar nos estabelecimentos de ensino em programas ocupacionais do Governo Regional", declarou Maria da Luz Melo.

A presidente da delegação regional dos Açores da Ordem dos Psicólogos falava em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, à margem do lançamento nacional da campanha "Escola SaudávelMente".

Maria Melo defendeu a integração daqueles 17 psicólogos nos estabelecimentos de ensino, para continuarem a "desenvolver um trabalho que é importante manter".

Questionada sobre as razões que estão na origem do melhor rácio do país, a responsável afirmou que "houve sempre abertura" por parte do Governo dos Açores no sentido de dotar as escolas de psicólogos, justificando, por isso, o lançamento da campanha nacional na região.

O secretário regional da Educação e Cultura, Avelino Meneses, adiantou à Lusa que existe nos Açores um profissional de psicologia por cada 800 alunos, considerando que a realidade do arquipélago "servirá para fazer pressão a nível nacional para que os psicólogos estejam mais próximos das crianças e jovens em idade escolar".

Sobre os 17 profissionais que estão em programas ocupacionais, Avelino Meneses esclareceu que "existem psicólogos com contrato por tempo indeterminado, em programas ocupacionais, mas sempre com a preocupação de ter cada vez mais nas escolas".

A Ordem dos Psicólogos, no âmbito desta campanha para tornar as escolas mais saudáveis, vai atribuir anualmente um selo de distinção aos estabelecimentos de ensino que se destaquem por boas práticas, disse hoje à agência Lusa o bastonário, Francisco Rodrigues.

"Os requisitos serão lançados hoje com a campanha e vão ao encontro de uma preocupação que penso que todos os pais têm: será que a escola dos meus filhos é saudável?", afirmou Francisco Rodrigues.

Para levar a campanha às escolas, foi elaborado um manual de boas práticas destinado a garantir "um maior bem-estar" a toda a comunidade educativa, explicou.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.