Açores participam em estudo europeu sobre utilização do mar

Açores participam em estudo europeu sobre utilização do mar

 

Lusa/Açoriano Oriental   Regional   25 de Jan de 2017, 11:33

A Fundação Gaspar Frutuoso vai participar no projeto Usos Múltiplos nos Mares Europeus (MUSES), que visa analisar como o oceano está a ser utilizado e dotar a Comissão Europeia de informação para tomar decisões.

 

“Este projeto pretende informar a política europeia sobre quais são os obstáculos ou as formas de facilitar o multiuso do espaço marítimo”, declarou a docente da Universidade dos Açores Helena Calado.

A investigadora afirmou que o projeto surge na sequência da política europeia de ordenamento marítimo e da gestão dos seus recursos, como as pescas ou as áreas marinhas protegidas.

Helena Calado frisou que se pretende “perceber como é que se pode tirar o máximo proveito de cada uso num determinado espaço e se aquele pode ou não facilitar os usos marítimos”.

A investigadora considerou que, no caso específico dos Açores, “haverá, eventualmente, forma de facilitar a coutilização do espaço marítimo” pela pesca, turismo, mergulho e defesa do património cultural, entre outras áreas.

A responsável referiu que a academia açoriana, que é um dos dez parceiros europeus do projeto, ficou responsável pela bacia do Atlântico Norte e, especificamente, pelo caso do arquipélago.

Helena Calado adiantou que o projeto, como visa informar a Comissão Europeia, tem um espaço temporal para a sua elaboração “muito curto”, até dois anos, estando vocacionado para “encontrar soluções operacionais”.

Segundo a docente, os primeiros relatórios devem ser produzidos no final de 2017, concluindo-se, assim, o processo com as informações necessárias para Bruxelas tomar as suas decisões.

O MUSES é financiado pelo programa Horizonte 2020, da Comissão Europeia. É maior programa de investigação e inovação da União Europeia, com cerca de 80 mil milhões de euros de financiamento disponível ao longo de sete anos (2014 a 2020).

O projeto MUSES é desenvolvido por especialistas da Polónia, Alemanha, Itália, Grécia, Portugal (Açores), Países Baixos e Escócia.

As zonas contempladas pelo MUSES são o Báltico, mar do Norte, Mediterrâneo, mar Negro e o Atlântico.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.