Rússia

Vladimir Putin abre sector nuclear civil a investimentos privados


 

Lusa / AO online   Economia   24 de Fev de 2010, 16:24

O primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, assinou esta quarta-feira um documento sobre a construção da Central Nuclear do Báltico, a primeira obra do sector que estará aberta ao capital privado, incluindo estrangeiro.
A futura central nuclear será construída na província de Kaliningrado, enclave russo situado entre a Lituânia, a Polónia e o Mar Báltico. Orçada em mais de 4,5 mil milhões de euros, a obra representa um forte impulso à economia regional e poderá transformá-la numa exportadora de energia eléctrica

O primeiro reactor da Central Nuclear do Báltico deverá estar pronto em 2016 e o segundo, dois anos depois. No total, a central poderá gerar 2300 MW por ano.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.