Turista morreu após queda quando fazia percurso pedestre na Madeira


 

Lusa/AO online   Nacional   14 de Abr de 2018, 18:45

Um turista com cerca de 70 anos morreu este sábado na sequência de uma queda quando fazia o percurso pedestre das 25 Fontes, no concelho da Calheta, na Madeira, disse fonte dos bombeiros da localidade.

De acordo com o comandante Jacinto Serrão, o homem terá caído de uma altura considerável e quando a equipa de resgate chegou ao local “já estava cadáver”.

“Neste momento [19:10] estamos a transportá-lo para a estrada para o delegado de Saúde declarar o óbito”, adiantou o responsável daquela corporação na zona oeste da ilha da Madeira.

Ainda referiu que o homem, de nacionalidade francesa, efetuava aquela “levada” (percurso pedestre na Madeira) na companhia de cinco familiares, incluindo a esposa e filhos.

Na operação de resgate, que demorou mais de quatro horas, estiveram envolvidos 20 elementos dos Bombeiros da Calheta, incluindo a equipa de resgate de montanha, mencionou.

No passado dia 01 de abril, um outro turista com cerca de 70 anos morreu ao cair de uma altura entre os 40 e os 50 metros nesta mesma levada, a do Rabaçal - 25 Fontes.

Esta Levada Rabaçal - 25 Fontes, com ramificações para a levada do Risco e para a Lagoa do Vento, é muito procurada por turistas e locais por ‘serpentear’ uma zona de vegetação, com manchas de Floresta Laurissilva classificada de Património Natural Mundial pela UNESCO, tendo no final uma lagoa alimentada por água de 25 nascentes.

O percurso, de nove quilómetros (ida e volta), é considerado fácil e desenvolve-se a 1.000 metros de altitude a partir do maior planalto da Madeira, o Paúl da Serra.

Levadas são aquedutos que ‘serpenteiam’ a zona interior da ilha da Madeira e que transportam água do norte para o sul, acompanhadas de esplanadas que servem de circulação pedestre.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.