Liga dos Campeões

Técnico do FC Porto garante que derrota com Benfica “não pesa” no duelo com Roma

Técnico do FC Porto garante que derrota com Benfica “não pesa” no duelo com Roma

 

Lusa/Ao online   Futebol   5 de Mar de 2019, 18:06

O treinador do FC Porto garantiu esta segunda feira que a derrota da última jornada do campeonato, frente ao Benfica (2-1), não vai pesar na sua equipa no desafio de quarta-feira, frente à Roma, da segunda mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol.

Na antevisão ao encontro com os italianos, Sérgio Conceição foi confrontado com o desaire da Roma com a Lazio (3-0), também na última jornada do campeonato do seu país, mas não considerou tal revele fragilidades das equipas.

"Eu também perdi o último jogo, e não é isso que pesa. Tudo o que se fala e se diz sobre a atmosfera à volta do jogo, pouco conta quando árbitro apita", considerou o técnico.

Desvalorizada foi, também, a alegada instabilidade do treinador Eusebio Di Francesco no comando da equipa romana, que, segundo a imprensa italiana, terá o lugar em risco caso não garanta a passagem à fase seguinte da competição.

"Todos nós futebol estamos na corda bamba, dependemos de resultados. Não é por isso que a Roma estará mais fragilizada, por perder o último jogo ou por o treinador ser questionado", analisou Sérgio Conceição.

Várias vezes, durante a conferência, o treinador do FC Porto, referiu que a equipa tem, em relação à última derrota com o Benfica (2-1), de melhorar os seus níveis de eficácia, defensiva e ofensiva, numa ideia partilhada pelo médio Otávio, que também participou nesta antevisão.

"Foi difícil digerir, mas sabemos que não podemos voltar a esse jogo. O que conta é a partida de amanhã [quarta-feira] com a Roma, em que estamos muito concentrados em procurar um golo que nos permita ganhar e passar esta fase", afirmou o jogador brasileiro.

Otávio não quis subscrever a ideia do que o FC Porto tinha sido mais forte no jogo da primeira mão, em Itália, mas garantiu que, agora, a jogar em casa, a equipa tem de o demonstrar.

"Temos a possibilidade de passar, já vimos isso no jogo anterior. Se mostrarmos o nosso futebol, pressionarmos fortes, temos todas as hipóteses. Todos os jogadores vão dar o máximo por isso", garantiu Otávio.

O FC Porto recebe quarta-feira, às 20 horas, a Roma, que traz da primeira mão uma vantagem de 2-1, numa partida que terá arbitragem do turco Cuneyt Çakir.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.