Espanha

Sétimo preso cubano já está em Madrid


 

Lusa / AO online   Internacional   13 de Jul de 2010, 12:18

O dissidente cubano Ricardo González Alfonso, libertado pelo regime castrista, chegou esta terça-feira a Madrid, onde uma hora antes tinham chegado seis antigos presos.
González Alfonso aterrou em Madrid pouco antes das 14:00 (13:00 em Lisboa), tendo-se juntado a Léster González, Omar Ruiz, Antonio Villarreal, Julio César Gálvez, José Luis García Paneque e Pablo Pacheco.

O grupo foi recebido no aeroporto pelo secretário de Estado para a Ibero América, Juan Pablo de la Iglesia, e por Agustín Santos, chefe de gabinete do ministro dos Negócios Estrangeiros, Miguel Ángel Moratinos.

O regime cubano comprometeu-se a libertar gradualmente e num prazo de quatro meses, um grupo de 52 presos.

Todos integram o chamado “Grupo dos 75”, opositores condenados a penas de até 28 anos de cadeia no período conhecido como primavera negra de 2003.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.