SATA cancelou "todos os voos" de hoje nos Açores

SATA cancelou "todos os voos" de hoje nos Açores

 

Lusa/AO Online   Regional   10 de Mai de 2010, 13:06

A transportadora aérea açoriana SATA cancelou “todos os voos” previstos para hoje entre as ilhas do arquipélago dos Açores e nas ligações com o continente devido à nuvem de poeira provocada por um vulcão na Islândia.

“Foram cancelados todos os voos previstos para hoje no arquipélago e nas ligações com o continente”, afirmou à Lusa o porta-voz da empresa, José Gamboa.

A decisão abrange também todos os voos que a SATA tinha previsto para hoje entre a Madeira e o continente, acrescentou o porta-voz da SATA.

José Gamboa salientou que a transportadora aérea açoriana aguarda ainda informações mais recentes sobre a evolução da nuvem de poeira vulcânica para analisar a evolução da situação, que será divulgada num comunicado previsto para o princípio da tarde.

O Centro de Vulcanologia e Avaliação de Riscos Geológicos da Universidade dos Açores admitiu domingo que as cinzas originadas pelo vulcão da Islândia podem continuar a afetar o espaço aéreo do arquipélago nos próximos dias.

"Se não houver alterações significativas na circulação atmosférica, a situação poderá manter-se" nos próximos dias, refere este centro numa nota divulgada no seu sítio na Internet.

No mesmo sentido, a SATA recomendado no domingo aos passageiros dos voos entre as ilhas do arquipélago dos Açores que recorram às ligações marítimas.

Até domingo, a SATA já tinha cancelado 30 voos internos e 21 ligações com o exterior do arquipélago, afetando mais de 3500 passageiros.

O vulcão islandês Eyjafjöll entrou em erupção a 21 de março, tendo provocado uma nuvem de cinzas que afetou o movimento aéreo no espaço europeu e, depois de um abrandamento, a actividade voltou a intensificar-se na quinta feira à noite.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.