Rolling Stones anunciam quatro concertos para este ano


 

Lusa/AO online   Cultura e Social   15 de Out de 2012, 15:46

O histórico grupo rock britânico The Rolling Stones anunciou esta segunda-feira a realização de quatro concertos este ano, em Londres e nos Estados Unidos, numa altura em que cumpre 50 anos de carreira.

De acordo com a BBC, o grupo de Mick Jagger e Keith Richards atuará nos dias 25 e 29 de novembro, em Londres, a 13 de dezembro, em Newark, e, no dia 15 desse mês, em New Jersey, nos Estados Unidos.

Para assinalar as bodas de ouro, a banda rock editará, a 12 de novembro, a coletânea "GRRR!", que inclui gravações feitas desde julho de 1962, quando surgiu oficialmente, até à atualidade, quando esteve em estúdio, em Paris, em agosto passado.

Em "GRRR!" estarão, por exemplo, "The last time", o primeiro single editado pela banda, composto por Mick Jagger (vocalista) e por Keith Richards (guitarrista), "(I can’t get no) satisfaction", "Jumping Jack Flash", "Honky Tonk Women", "Brown Sugar", "Start Me Up".

A estes juntam-se ainda "Gloom and Doom" e "One last shot", as gravações que fizeram no mês passado, as primeiras em que os quatro músicos se juntaram em estúdio desde a digressão do álbum "A Bigger Bang", de 2005.

Mick Jagger (voz), Keith Richards (guitarra), Brian Jones (guitarra), Mick Avory (bateria) e Dick Taylor (baixo) - a primeira formação dos Rolling Stones - tocaram pela primeira juntos ao vivo, em julho de 1962.

O grupo batizou-se com o nome de uma música de Muddy Waters ("Rollin'Stone"), queria ser o oposto dos Beatles, desejava ser "a melhor banda de rythm & blues de Londres, e conseguir concertos regulares", como explicou o guitarrista Keith Richards na biografia oficial.

A última digressão do grupo, "A bigger band", que passou por Portugal, incluiu 147 concertos em 118 cidades.

Em julho passado editaram a autobiografia em imagens, "The Rolling Stones: 50", com comentários dos músicos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.