Revista de Imprensa Nacional


 

Lusa/AO Online   Nacional   3 de Dez de 2009, 07:04

 As suspeitas dos socialistas de que o PSD teve acesso antecipado às escutas a José Sócrates e a acusação formal a Armando Vara no âmbito do processo Face Oculta são os temas em destaque na imprensa nacional de hoje.

"PS acusa Ferreira Leite de saber há meses das escutas do Face Oculta" é o título da manchete do jornal Público, que refere as acusações lançadas pelo vice-presidente da bancada parlamentar do PS, Ricardo Rodrigues.

O jornal destaca ainda o facto do administrador do BCP Armando Vara ter já sido indiciado pelo crime de tráfico de influências, no âmbito do processo Face Oculta.

"Barack Obama anuncia o reforço de tropas, mas diz que presença militar será reavaliada em 2011" ocupa também um lugar de relevo na primeira página do Público, numa referência ao facto de ser intenção do presidente dos Estados Unidos retirar os militares daquele território, dentro de dois anos.

Na primeira página do Diário de Notícias é também dado destaque ao processo Face Oculta, com o jornal a referir que "Vara admite voltar a assumir funções no BCP".

O diário sublinha ainda que "Excelentes e muito bons garantem topo da carreira" docente, uma medida que decorre do processo negocial em curso entre Governo e sindicatos da Educação.

No Correio da Manhã, a notícia principal é "Défice custa 1380 euros a cada português", uma situação que resulta do facto do país apresentar um "buraco de 13,78 mil milhões".

"Médica desesperada com paralisia cerebral da filha" e "Fábio Coentrão faz esquecer Di Maria" são outros dos temas em destaque neste jornal.

O Jornal de Notícias, por sua vez, titula "Bombeiros querem protecção policial", uma exigência que decorre do facto destes profissionais pretenderem que sejam definidas novas regras, nomeadamente nos casos em que terão que acorrer a situações de violência doméstica.

O processo Face Oculta ocupa também a primeira página deste jornal, que informa "Vara só com um crime e caução de 25 mil euros", numa alusão ao facto do administrador do BCP ter sido acusado de tráfico de influências e, por isso, estar proibido de contactar com os restantes oito arguidos "por haver perigo de perturbar a investigação".

"Portugal vai ter de aumentar impostos" é a manchete do jornal i, que adianta que o aviso é do Fundo Monetário Internacional. Mesmo assim, e segundo este jornal, o ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, garante que o Governo não aumentará a carga fiscal.

A decisão do presidente norte-americano em reforçar as tropas no território afegão é também destacada neste diário, com o título "Obama joga no Afeganistão o seu futuro político".

O processo Face Oculta volta a ser alvo de destaque no24 Horas, com o jornal a titular "Como o rei da sucata gere o seu império da prisão", numa referência a Manuel Godinho.

A vitória do Benfica sobre o Bate Borisov é tema comum na imprensa desportiva, com o Record a afirmar "Já está", A Bola a classificar o encontro de quarta-feira como "Simples e Belo" e O Jogo a referir "Ensaio anti-académica".

No que respeita à imprensa económica, o Diário Económico destaca que "Oposição quer impor aumento do prazo do subsídio de desemprego" até ao ano de 2010, uma medida destinada a ajudar os desempregados existentes no país.

"Governo pressiona Tribunal de Contas no chumbo das auto-estradas" é outra notícia em relevo neste jornal, que informa que o ministro das Obras Públicas, António Mendonça, reitera que as vias vão continuar a ser construídas.

No Jornal de Negócios, a primeira página é ocupada com uma fotografia do ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, e com o seguinte título: "Governo pode ter de aumentar o IVA, afirma o FMI". "Bruxelas quer plano de corte no défice até Junho" e "Estado passa seis milhões de cheques por mês em apoios sociais" são outras notícias relacionadas com a manchete.

Na revista Sábado o tema principal incide sobre "Mulheres que pagam para ter sexo", enquanto que a Visão titula "A Luta final contra o H1N1".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.