Azores Rallye 2019

Rafael Botelho mantém aposta no Citröen DS3 R3T

Rafael Botelho mantém aposta no Citröen DS3 R3T

 

Nuno Martins Neves   Motores   6 de Mar de 2019, 10:16

Rafael Botelho vai continuar a comandar o seu Citröen DS3 R3T nesta temporada, gorada a possibilidade de dar o salto para uma viatura R5. Mesmo com este contratempo, o jovem piloto micaelense encara 2019 com o objetivo de reconquistar o título açoriano nas duas rodas motrizes.

“O objetivo e ambição era ter uma viatura R5 mas é um projeto que implica ter tudo muito bem estruturado. Houve uma altura no defeso que essa transição esteve 95 por cento garantida, com o carro pronto para embarcar para os Açores, mas uma questão burocrática impediu a sua concretização”, explicou.

O volte-face levou a que o piloto da Rafamotosport tivesse uma decisão de recurso, “tomada nos últimos dias” de participar no Azores Rallye com o seu Citröen DS3 R3T, “por uma lógica de manter competitividade e ritmo, além da presença para dar visibilidade aos nossos patrocinadores”.

Sobre o Rali dos Açores, ‘Rafa’ congratula-se com o novo itinerário, considerando que vai levar os pilotos “para fora da sua área de conforto. Para a organização, pilotos e até comunicação social obriga a repensar toda a abordagem por cerca de 40 por cento do rali ser totalmente novo”.

Em 2019, o objetivo será todo orientado para a “luta pelo título regional das duas rodas motrizes”, conquistado em 2016 e 2017.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.