SCUT

PS propõe fim da obrigatoriedade do "chip" para todos os veículos


 

Lusa / AO online   Economia   30 de Jun de 2010, 12:24

O PS propôs esta quarta-feira o fim da obrigatoriedade do Dispositivo Electrónico de Matrícula (DEM) para todos os veículos, e que o aparelho se destine exclusivamente à cobrança de portagens nas SCUT.
As propostas do PS foram apresentadas aos jornalistas pela deputada Ana Paula Vitorino, no final da reunião da comissão parlamentar de Obras Públicas, Transportes e Comunicações.

De acordo com a deputada socialista, o PS apresentou esta quarta-feira aos grupos parlamentares da comissão de obras públicas “variadíssimas alterações” à legislação sobre o DEM, vulgarmente conhecido como “chip” de matrícula que estão assentes em duas “questões transversais”.

A primeira questão, disse, prende-se com a obrigatoriedade.

“Foi retirada a questão da obrigatoriedade do DEM para todos os veículos”, avançou Ana Paula Vitorino.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.