PS promove interpelação ao executivo regional no parlamento sobre acordo com Governo da República

PS promove interpelação ao executivo regional no parlamento sobre acordo com Governo da República

 

Lusa/AO Online   Regional   26 de Ago de 2012, 14:48

O PS vai apresentar na segunda-feira um requerimento ao presidente da Assembleia Legislativa dos Açores para promover uma interpelação ao Governo Regional sobre o memorando de entendimento que assinou com o Governo da República.

 

“Queremos promover esta interpelação ao governo para que seja possível esclarecer no parlamento todas as questões relacionadas com esta matéria”, afirmou hoje Berto Messias, líder parlamentar do PS/Açores, em declarações à Lusa.

Berto Messias acrescentou que este “amplo debate” sobre o acordo que define as condições em que o Governo Regional tem acesso a um empréstimo estatal de 135 ME terá lugar na sessão plenária de setembro, a última desta legislatura.

“O PS está muito consciente sobre a matéria em questão, mas temos ouvido muitas declarações desconhecedoras e muito aproveitamento eleitoral da questão, pelo que vamos promover este debate para esclarecer tudo”, frisou Berto Messias, numa referência ao facto de a interpelação ao executivo ser promovida pelo partido da maioria nos Açores.

Berto Messias salientou que, na perspetiva dos socialistas, o acordo assinado com o Governo da República, “não põe em causa a autonomia dos Açores e não se pode comparar ao plano de assistência financeira em curso na Madeira”.

O Governo Regional, de maioria socialista, tem vindo a desvalorizar as condições impostas neste acordo, alegando que não colocam em causa a autonomia regional e algumas já são cumpridas no relacionamento com o governo central, mas a oposição tem uma opinião diferente, considerando que o regime autonómico sofre um ataque com este memorando de entendimento.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.