Pelo menos onze mortos em sismo no Haiti


 

Lusa/Ao online   Internacional   7 de Out de 2018, 11:56

Pelo menos onze pessoas morreram na sequência do sismo de magnitude 5,9, que abalou hoje a costa norte do Haiti, anunciaram as autoridades do país.

“O balanço, até ao momento é de 11 mortos”, disse o porta-voz do governo do Haiti, Eddy Jackson Alexis, citado pela agência de notícias francesa AFP.

De acordo com os dados preliminares fornecidos por Eddy Jackson Alexis, o sismo já provocou mais de 100 feridos.

A agência de proteção civil do país divulgou um comunicado apontando que algumas casas foram destruídas em Port-de-Paix, Gros Morne, Chansolme e Turtle Island. Entre as estruturas danificadas estava a igreja de Saint-Michel, em Plaisance. Em Port de Paix, uma das áreas mais pobres do país, registou-se 6 dos 11 mortos, de acordo com as autoridades.

O primeiro-ministro do Haiti, Jean Henry Ceant, anunciou na sua conta no Twitter que as autoridades já criaram um comité de crise, que inclui vários ministérios, para coordenar os trabalhos de emergência.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS)que regista a atividade sísmica em todo o mundo, localizou o hipocentro do sismo a 15 quilómetros (km) de profundidade.

Em 2010, um terramoto devastou o Haiti e fez mais de 300 mil mortos.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.