Pelo menos 11 crianças mortas em ataque a coluna da NATO no sul do Afeganistão

Pelo menos 11 crianças mortas em ataque a coluna da NATO no sul do Afeganistão

 

Lusa/AO online   Internacional   30 de Abr de 2018, 14:34

Pelo menos 11 crianças morreram e outras 17 pessoas ficaram feridas, entre as quais cinco soldados romenos da NATO, num ataque suicida contra uma coluna das forças aliadas na província de Kandahar, no sul do Afeganistão.

O ataque ocorreu perto do aeroporto de Kandahar, cuja segurança está entregue ao contingente romeno da operação da NATO no país, explicou o governador da província, Said Aziz Ahmad Azizi.

“A coluna circulava junto à aldeia de Abdullh, perto do aeroporto, quando um bombista se fez explodir junto dos veículos, em torno dos quais se tinham juntado muitas crianças”, disse, citado pela agência AFP.

Um porta-voz da polícia de Kandahar, Qasim Afghan, confirmou o balanço e precisou que o ataque ocorreu às 11:00 locais (07:30 em Lisboa).

Outras versões, avançadas por outro porta-voz da polícia de Kandahar, Matiullah Helal, citado pelas agências AP e EFE, dão conta de que o ataque foi perpetrado com um carro armadilhado quando a coluna militar passava perto de uma escola religiosa ou de uma mesquita, atingindo as crianças que brincavam no pátio.

Horas antes, um duplo atentado suicida na capital, Cabul, matou pelo menos 25 pessoas, entre as quais oito jornalistas, ataque que foi reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Em 2017, 861 crianças morreram e 2.318 ficaram feridas em ataques e combates no Afeganistão, segundo a missão da ONU no país (UNAMA).



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.