Eleições regionais

PCP apresenta programa eleitoral a 15 de setembro

PCP apresenta programa eleitoral a 15 de setembro

 

Lusa/AO online   Regional   30 de Jul de 2012, 14:33

O PCP/ anunciou a apresentação pública, a 15 de setembro, em Ponta Delgada, do seu programa eleitoral para as eleições regionais durante um encontro regional de candidatos regionais da CDU.

"O PCP considera que a rutura e mudança que a região tanto precisa tem que ter uma tradução eleitoral e, define como principal objetivo a eleição de um grupo parlamentar, contribuindo, assim, para que não se formem indesejáveis maiorias absolutas", frisou o coordenador regional do PCP/Açores.

Aníbal Pires falava numa conferência de imprensa em Ponta Delgada para apresentar as principais conclusões da reunião da direção do PCP Açores.

O coordenador do PCP/Açores reafirmou "a necessidade de rutura com politicas de direita que estão a empobrecer o pais, as famílias e os trabalhadores", frisando que "os problemas nacionais são sentidos de forma mais aguda nos Açores", o que exemplificou com "encerramentos de empresas em catadupa, o aumento do desemprego, dos beneficiários do RSI e empobrecimento generalizado".

“Os problemas principais da região e o agravamento da situação social continuam sem ter qualquer resposta por parte do Governo regional. Pelo contrário, este limita-se a tentar desviar as suas próprias responsabilidades com o fito único de tentar obter ganhos eleitorais”, criticou.

Aníbal Pires referiu, por exemplo, uma "carta que a diretora do Instituto para o Desenvolvimento social dos Açores (IDSA) dirigiu aos beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) em que o Governo se desresponsabiliza dos cortes nesta prestação, assacando as culpas ao Governo da República".

O coordenador regional do PCP/Açores alertou ainda para "os efeitos do encerramento dos postos de atendimento da Segurança Social nos Açores e do Serviço de Atendimento Permanente em Ponta Delgada" que "está a provocar o aumento do tempo de espera nas urgências" do Hospital daquela cidade.

Aníbal Pires deixou ainda criticas ao PSD/Açores, alegando que os social-democratas e "a sua líder" regional, Berta Cabral, "continuam a procurar, a todo o custo, distanciar-se da ação do Governo de Passos Coelho, do qual são cúmplices ativos e a lançar a confusão sobre os eleitores, procurando capitalizar o justo descontentamento dos açorianos com o Governo Regional do PS".

O dirigente comunista anunciou ainda que a CDU apresentará "durante o próximo mês" os seus candidatos às eleições, enquanto que a apresentação pública do programa eleitoral está agendada para 15 de setembro, em Ponta Delgada, ilha de S.Miguel, durante um encontro regional de candidatos da CDU às eleições de 14 de outubro.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.