Eleições regionais

PAN quer criação de condições para uma terceira idade ativa


 

Lusa/AO online   Regional   28 de Set de 2012, 18:07

A candidatura do Partido pelos Animais e pela Natureza (PAN) pelo círculo de S. Miguel às eleições de outubro para o parlamento açoriano alertou hoje para a necessidade de criação de condições que garantam uma

“A sociedade precisa de idosos ativos”, que mais não seja para “lembrar que todos serão como eles”, sustentou a candidata Cristina Ventura do PAN em declarações à agência Lusa, depois de uma visita a um lar de terceira idade dos arredores de Ponta Delgada.

Além de sublinhar a importância do “conhecimento útil” de que os mais velhos são depositários, alegou que “os idosos trabalharam a vida inteira, contribuindo para a economia”, não podendo “ser descartados”.

“A sociedade atual esquece tudo, cada um olha para a sua barriga, ninguém quer olhar para o lado”, considerou Cristina Ventura, insistindo na importância de incrementar o voluntariado no apoio à terceira idade.

O lar de idosos AM Santos visitado pelo PAN, que concorre às regionais de outubro apenas na ilha de S. Miguel, acolhe 52 idosos, dispõe de um quadro de 27 trabalhadores e a sua atividade é apoiada por dois médicos e cinco enfermeiros.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.