Europeias

PAN culpa António Costa e lamenta que professores tenham sido alvo de eleitoralismo


 

Lusa/Ao online   Nacional   12 de Mai de 2019, 12:00

 O deputado do PAN, André Silva, lamentou este sábado que a carreira dos professores tenha sido alvo de “guerrilha e eleitoralismo” por parte dos partidos do Governo e da oposição e afirmou que o primeiro ministro “falhou”.

Num jantar que marcou a abertura da campanha para as eleições europeias, no Porto, André Silva culpou António Costa por “colocar a demissão em cima da mesa”, num momento em que não teve o apoio do BE e do PCP, depois de há “três anos e meio se ter comprometido com uma solução governativa estável”.

Além do Governo, o deputado do PAN acusou também os partidos de direita de terem trocado “os seus valores e princípios por uma questão de eleitoralismo, querendo mostrar ao país que queriam dar aquilo que nunca quiseram dar”, tendo colocado “em causa a estabilidade e gestão orçamental do país”.

“Demonstra uma clara falta de responsabilidade quer à esquerda e à direita do PS. [Uma] falta de credibilidade destes partidos que tantas vezes falam em valores e ideologia, mas naquilo que é o eleitoralismo a todo o custo, vendem os seus valores e princípios”, vincou.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.