Obra de estabilização de taludes nas Feteiras, em São Miguel, teve início hoje

Obra de estabilização de taludes nas Feteiras, em São Miguel, teve início hoje

 

AO Online/Gacs   Regional   25 de Jun de 2018, 17:32

A obra de estabilização de dois taludes sobranceiros à Estrada Regional N.º 1 – 1.ª, nas Feteiras, em São Miguel, teve hoje início, anunciou a Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas.

Este investimento do Governo dos Açores surge na sequência de um deslizamento de massa ocorrido no último outono, tendo-se concluído que dois taludes apresentavam problemas de estabilidade em algumas zonas, colocando em causa a segurança dos utentes, fator que determinou o corte de uma via e que se iniciasse o projeto de engenharia para a sua estabilização, refere nota do executivo açoriano.

Através desta obra pretende-se, além de incrementar a segurança para os utilizadores daquela estrada, minimizar o risco da ocorrência de fenómenos de deslizamento de terra e queda de blocos.

A intervenção, numa extensão de cerca de 120 metros, separados em dois troços, preconiza soluções de estabilização distintas, com recurso a betão projetado e a redes pregadas, reperfilamento, incluindo a introdução de sistemas de drenagem.

 Após a conclusão do projeto de execução foi efetuado um procedimento concursal para a contratação do empreiteiro, tendo a obra sido adjudicada à empresa Açorgeo, Lda., pelo valor de 163 mil euros, com prazo de execução de 60 dias seguidos.

 O Diretor Regional das Obras Públicas e Comunicações, Frederico Sousa, que visitou hoje o local, adianto, na mesma nota, que “com esta intervenção de complexidade técnica, o Governo dos Açores prossegue a sua missão de implementação e reforço de medidas de segurança na rede viária regional, de forma a garantir a segurança de pessoas e bens”.

A obra será executada recorrendo ao corte do trânsito durante o período normal de trabalho, período no qual será desviado pelo interior da freguesia das Feteiras.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.