Obama quer responsáveis da maré negra responsabilizados

Obama quer responsáveis da maré negra responsabilizados

 

Lusa/AO Online   Internacional   1 de Jun de 2010, 18:49

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prometeu hoje que os responsáveis pela maré negra que atinge zonas costeiras do Golfo do México responderão na justiça, caso tenham desrespeitado as leis do país.

"Se as nossas leis foram violadas (...) prometo solenemente fazer com que os responsáveis compareçam perante a justiça, em nome das vítimas desta catástrofe e dos habitantes da região", afirmou Obama numa curta declaração na Casa Branca.

"Temos a obrigação de investigar o que não funcionou e de determinar as reformas necessárias para que não se volte a viver uma crise com esta envergadura", indicou o presidente, lembrando que a maré negra é a catástrofe ambiental mais grave da história dos Estados Unidos.

"Se as nossas leis não são suficientes para impedir tanta poluição, as leis devem mudar. Se as instâncias de controlo (governamental) não puderam aplicar as leis, essas instâncias devem ser reformadas", insistiu Obama, depois de se ter reunido com os dirigentes de uma comissão de inquérito que foi nomeada para estudar as circunstâncias do desastre.

Obama declarou que os elementos da comissão contam com todo o seu apoio para esclarecer os factos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.