Número de mortos devido à tempestade "Washi" subiu para 1.010


 

Lusa/AO Online   Internacional   22 de Dez de 2011, 06:50

As autoridades filipinas elevaram hoje a 1.010 o número de mortos pelas inundações e deslizamentos de terras causados pela passagem da tempestade tropical "Washi" há uma semana no sul do país.

Além dos mortos, as autoridades das Filipinas salientam ainda 53 pessoas desaparecidas devido ao desastre natural.

Mais de 92.000 pessoas foram afetadas pela tempestade e metade das quais continua em centros de sinistrados e acolhimento.

As Nações Unidas apelaram à comunidade internacional para que envie ajuda para as zonas afetadas onde falta água potáve e medicamentos que poderão conduzir a doenças como a cólera e o tétano.

A situação é especialmente precária para 16.000 familias que vivem em zonas próximas do rio em Cabayan de Oro, uma das cidades mais devastadas pelas inundações.

Os prejuízos provocados pelas inundações foram calculados em 17,3 milhões de euros em estradas, pontes hospitais e escolas.

O presidente Benigno Aquino declarou quarta-feira o estado de calamidade nacional e anunciou a criação de um fundo especial 20,4 milhões de euros para apoiar as zonas e pessoas mais afetadas.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.