Justiça

Nova cadeia de Angra representa investimento de 25,5 milhões de euros

Nova cadeia de Angra representa investimento de 25,5 milhões de euros

 

Lusa / AO online   Regional   20 de Jul de 2010, 18:40

O ministro da Justiça, Alberto Martins, presidiu esta terça-feira à cerimónia de colocação da primeira pedra do novo Estabelecimento Prisional de Angra do Heroísmo, na Terceira, Açores, num investimento de 25,5 milhões de euros.
A nova cadeia, com capacidade para 216 reclusos e que deve estar pronta em 2012, ficará situada na freguesia da Terra Chã e vai dar resposta às necessidades de qualificação e ampliação do Parque Prisional da Região Autónoma dos Açores, que tem uma taxa de sobrelotação de 160 por cento.

Os dados oficiais indicam que todos os anos são transferidos entre 50 a 70 reclusos para Portugal continental e que há 267 detidos nos Açores, quando a lotação dos três estabelecimentos prisionais existentes no arquipélago é de apenas 166 lugares.

O caso mais grave de sobrelotação é precisamente o do Estabelecimento Prisional de Angra do Heroísmo, que tem 67 reclusos, cerca do dobro da sua lotação.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.