“Nos Açores, temos ainda um problema grande com a cobertura de redes”

“Nos Açores, temos ainda um problema grande com a cobertura de redes”

 

Rui Jorge Cabral   Regional   27 de Jun de 2019, 09:30

João Cadete de Matos, presidente do conselho de administração da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) diz que há ainda muitas deficiências na cobertura de redes de internet e telemóvel nos Açores. E defende ‘roaming’ nacional, que permita acesso a todas as redes

João Cadete de Matos está em Ponta Delgada para um conjunto de reuniões sobre o futuro do serviço postal, que estão a decorrer no Teatro Micaelense, juntando cerca de 150 pessoas oriundas de 50 países europeus e americanos. 


Que importância tem a realização das reuniões plenárias dos reguladores europeus e americanos aqui em Ponta Delgada e quais vão ser os principais temas em debate?
Esta reunião - nomeadamente a do ERGP - vai ser ser muito importante, porque está em marcha uma revisão da Diretiva Postal da União Europeia, que é no fundo a lei europeia para o desenvolvimento dos correios e é nela que serão definidos os princípios gerais do serviço universal dos correios nos países europeus. Portanto, este grupo dos reguladores postais europeus vai nesta reunião aprovar uma opinião que irá transmitir à Comissão, ao Conselho e ao Parlamento Europeu, sobre a alteração da Diretiva Postal, que é premente e deverá acontecer durante os próximos dois anos, porque o setor postal tem sofrido uma grande transformação.


Pode ler a entrevista na íntegra na edição desta quinta-feira, 27 junho 2019 do jornal Açoriano Oriental




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.