Nenê estreia-se a marcar e dá vitória ao Moreirense sobre Feirense


 

Lusa/Ao online   Futebol   29 de Set de 2018, 19:44

Um golo de Nenê, em jogo da sexta jornada da I Liga portuguesa em futebol, deu hoje ao Moreirense a primeira vitória em casa sobre um Feirense que não ganha há quatro rondas.

Nenê estreou-se a marcar pelos vimaranenses e fez o único golo da partida aos 74 minutos, permitindo ao Moreirense escalar a tabela classificativa uma vez que sai da 17.ª e penúltima posição para o nono posto, somando sete pontos.

Já a equipa de Santa Maria da Feira, apesar da derrota, segue provisoriamente, no sétimo lugar, com oito pontos.

Num jogo com muita luta a meio campo, só na segunda parte é que começaram a surgir as reais oportunidades de golo, aliás na primeira etapa do desafio só se podem contar duas ocasiões dignas de registo.

Aos 16 minutos, Edinho apareceu isolado e conseguiu mesmo passar o guardião minhoto, mas o remate saiu ao lado. O Moreirense reagiu, pegou nas rédeas do jogo, mas o domínio notou-se sobretudo no ‘miolo' do campo com destaque para uma tentativa de Halliche que cabeceou ao lado, aos 44.

Após o intervalo, o jogo ganhou mais intensidade, mas continuou com as equipas muito concentradas no centro do terreno e a privilegiarem passes rasteiros e triangulações pouco arrojadas.

Edinho voltou a tentar a sorte aos 63 minutos, com um remate de pé esquerdo, de fora da área, mas a bola saiu ligeiramente por cima.

Do outro lado, o mais inconformado com o nulo no marcador era Nenê, que, aos 64, cabeceou por cima após cruzamento da direita de D'Alberto.

Os fogaceiros ainda reclamaram grande penalidade quando Edinho caiu na área, mas o árbitro mandou seguir o lance (70 minutos). E Jhonatan quase protagonizava o momento mais caricato do jogo quando, após Babanco rematar do meio do campo, caiu e por um triz não deixou a bola entrar (71).

Até que o brasileiro Nenê repetiu o lance de perigo anterior, mas desta vez, aos 74 minutos, deu melhor seguimento ao cabeceamento de D'Alberto, assinando o golo da vitória.

A perder por 1-0, o Feirense intensificou o ataque e o Moreirense fez o que se esperava – fechou a sua baliza e só apareceu de novo junto a Caio Secco em jogadas de contra-ataque.

Edinho podia ter feito o empate aos 84 minutos com um desvio certeiro ao primeiro poste, mas Jonathan respondeu com um voo e uma palmada igualmente certeiros.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.