Exames Secundário

Média negativa a Matemática em quase 40% das escolas

Média negativa a Matemática em quase 40% das escolas

 

Lusa/Ao online   Nacional   16 de Fev de 2019, 10:41

Quase 40% das escolas ‘chumbaram’ a Matemática no passado ano letivo, piorando os resultados em comparação com 2017, de acordo com os dados dos exames nacionais do secundário divulgados pelo Ministério da Educação.

Em 620 escolas e quase 32.500 exames, houve 383 estabelecimentos que conseguiram uma média no exame nacional de Matemática igual ou superior a 10 valores, o que corresponde a 61,77% do total de escolas que fizeram este exame em 2017-2018, contra quase 75% de escolas que em 2016-2017 conseguiram um resultado positivo.

Segundo uma análise da Lusa aos dados dos resultados dos exames nacionais em 2018 divulgados pelo Ministério da Educação, no topo da lista das escolas com melhor resultado nesta prova, estão cinco colégios privados, com a Academia de Música de Santa Cecília, em Lisboa, a liderar nos resultados a Matemática, com uma média em exame de 17,74 valores, acima da classificação interna final (CIF, que traduz a avaliação do professor ao trabalho do aluno ao longo do ano) de 17 valores.

Seguem-se o Colégio Campo de Flores, em Almada, o Colégio Nova Encosta, em Paços de Ferreira, o Colégio da Rainha Santa Isabel, em Coimbra e os Salesianos do Estoril, em Cascais.

A melhor escola pública a Matemática surge em 6.º lugar na lista: a Escola Básica e Secundária Pedro Álvares Cabral, em Belmonte, Castelo Branco, obteve uma média em exame de 15,44, mais de dois valores acima da CIF de 13,13 valores.

Entre os piores resultados no exame nacional de Matemática, há escolas que apresentam médias em exame abaixo dos cinco valores, colocando os resultados na prova quase 10 valores abaixo da média da CIF dos seus alunos.

Em termos distritais, Lisboa e Porto lideram em número de provas realizadas, mas Coimbra regista a média mais alta, com 11,74 valores.

A média mais baixa pertence às escolas portuguesas no estrangeiro, que ficaram algumas centésimas abaixo dos nove valores.

Em território nacional, Portalegre, Região Autónoma dos Açores, Bragança, Região Autónoma da Madeira e Évora são as regiões com médias negativas a Matemática, entre os 9 e 9,9 valores.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.