Maquinistas da CP marcam greve para Natal e Fim de Ano

Maquinistas da CP marcam greve para Natal e Fim de Ano

 

Lusa/AO Online   Nacional   9 de Dez de 2011, 07:28

Os maquinistas da CP vão fazer greve nos dias 23, 24 e 25 deste mês, no dia 1 de janeiro e nas horas extraordinárias até final do próximo mês, alegando que a administração está realizar processos disciplinares ilegais.

Sindicato de Maquinistas declarou greve para os dias 23, 24, aos dias de feriado e ao trabalho extraordinário até 31 de janeiro, disse hoje o presidente António Medeiros em declarações à agência Lusa.

O sindicato decidiu marcar esta greve porque a administração da CP “ao arrepio do acordo assinado, em que sanava todo o conflito e criava as condições para a paz social na empresa, desencadeou de forma absurda, sem justificação e de forma ilegal procedimentos disciplinares”, disse hoje à Lusa o presidente do sindicato, António Medeiros.

Estes processos disciplinares, que António Medeiros classificou como uma “ofensa e um confronto declarado aos maquinistas e ao sindicato nunca antes vistos”, “ascendem a 620 dias”.

Os maquinistas estão a ser “perseguidos e alvo de processos disciplinares inventados e forjados”, reforçou o responsável.

O sindicato decidiu que a greve é a única forma de a empresa cumprir o que assinou em abril e em julho e “trazer de volta a paz social na empresa”, acrescentou.

A Lusa tentou contactar com a responsável pela comunicação da CP, mas até agora não foi possível resposta.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.