Presidenciais

Manuel Alegre é contra a revisão constitucional


 

Lusa / AO online   Nacional   19 de Jul de 2010, 18:49

O candidato presidencial Manuel Alegre afirmou esta segunda-feira que “não é necessária uma revisão constitucional nesta altura”, recusando comentar as propostas apresentadas nestes últimos dias pelo PSD.
À margem de uma visita ao distrito de Santarém, à empresa JJ Louro em Amiais de Cima (concelho de Santarém), Manuel Alegre desvalorizou a questão da revisão da Constituição da República e preferiu elogiar o “exemplo” de empresas portuguesas como a JJ Louro.

“Esta empresa mostra que Portugal é viável, que Portugal não é insustentável, desde que se aposte nos nossos recursos com imaginação, vontade, capacidade de trabalho e inovação tecnológica e social”; afirmou o candidato à Presidência da República.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.