Mais de 200 detidos no fim de semana , a maioria por conduzir sob efeito do álcool

Mais de 200 detidos no fim de semana , a maioria por conduzir sob efeito do álcool

 

AO online   Nacional   28 de Mai de 2018, 14:24

Mais de 200 pessoas foram detidas em flagrante delito no fim de semana pela Guarda Nacional Republicana (GNR), a maioria por conduzir sob o efeito do álcool, revelou esta segunda-feira a corporação.

Em comunicado, a GNR adianta que nos dias 26 e 27, além da atividade operacional diária, levou a efeito um conjunto de operações em todo o território nacional que visaram o combate à criminalidade violenta e a fiscalização rodoviária, entre outros objetivos.

Dos 209 detidos, a GNR destaca 133 por condução sob o efeito do álcool, 24 por condução sem habilitação legal, 13 por tráfico de estupefacientes, três por posse ilegal de armas, dois por sequestro, um por furto e um por ofensas à integridade física.

Nas operações desenvolvidas, a GNR apreendeu 511 doses de haxixe, 116 de cocaína, 60 de heroína, 11 doses de MDMA (droga mais conhecida por ecstasy), duas armas de fogo, nove armas brancas e 675 euros em numerário.

Foram igualmente apreendidos 150 quilos de bivalves.

Na área do trânsito, a GNR detetou 2.264 infrações, 900 por excesso de velocidade, 335 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 154 por falta de inspeção periódica obrigatória do veículo e 90 por anomalias nos dispositivos de iluminação e de sinalização.

A GNR registou também 77 infrações por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou das cadeirinhas para crianças, 55 por uso indevido do telemóvel enquanto se conduz, 45 relacionadas com tacógrafos e 41 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.