Supertaça

Lage quer “trabalho de equipa” para vencer o Sporting

Lage quer “trabalho de equipa” para vencer o Sporting

 

AO Online/ Lusa   Futebol   4 de Ago de 2019, 11:53

O treinador Bruno Lage considerou este sábado que o Benfica terá de jogar como equipa para vencer a Supertaça portuguesa de futebol, no domingo, frente ao Sporting, e confessou que enfrentar o médio ‘leonino’ Bruno Fernandes será um “desafio”.

“[Temos de] jogar como equipa. Quer de um lado quer do outro há jogadores decisivos que podem resolver o jogo, mas o trabalho da equipa é decisivo para se vencer jogos”, afirmou o treinador ‘encarnado’, em conferência de imprensa.

A eventual utilização de Bruno Fernandes no ‘onze’ adversário é vista pelo técnico como uma “oportunidade” e um “desafio” para a sua equipa.

“Neste tipo de jogos queremos jogar contra ao melhores treinadores e jogadores, por isso o Bruno [Fernandes] poder jogar é um desafio e uma oportunidade para sermos mais competentes”, argumentou.

A conquista de hoje da International Champions Cup por parte dos ‘encarnados’, principal torneio da pré-temporada, também mereceu um comentário na conferência de imprensa.

“Para nós, é um prestígio enorme ter vencido a competição em função dos nomes. O mais importante foi a evolução que fizemos, que foi o que idealizámos nestas cinco semanas e chegar amanhã [domingo] o mais perto possível do que fizemos na época passada”, declarou.

Relativamente aos 20 convocados para a partida de domingo, Bruno Lage foi questionado sobre se os jogadores que ficaram de fora ficaram com espaço reduzido na equipa, mas disse que “conta com todos”.

“Queremos que [o plantel] seja curto, competitivo e termos a noção que nos permite evoluir. Em função disso, conto com todos os jogadores que temos presentes no plantel e dou a oportunidades a todos”, esclareceu.

Bruno Lage reforçou a justificação, ao dizer que “o onze de domingo será muito diferente daquele que jogará a última jornada do campeonato”.

Quanto à adaptação e eventual utilização do até agora último reforço das ‘águias’, o brasileiro Carlos Vinícius, o treinador explicou que, neste momento, o importante é “aproximar o jogador dos movimentos da equipa e ajudá-lo a crescer”, enaltecendo o seu “talento”.

Sporting e Benfica disputam no domingo a final da Supertaça, no Estádio do Algarve, a partir das 20:45, em partida que será dirigida pelo árbitro Nuno Almeida, da Associação de Futebol do Algarve.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.