Jornadas debatem valorização das vinhas e paisagens vinhateiras de Santa Maria

Jornadas debatem valorização das vinhas e paisagens vinhateiras de Santa Maria

 

Lusa/Ao online   Regional   7 de Out de 2018, 18:43

Especialistas e produtores debatem, a partir deste domingo, em Santa Maria, Açores, a valorização das vinhas e paisagens vinhateiras marienses para a reabilitação económica da fileira do vinho e a possibilidade de classificar estas paisagens na UNESCO.

As "jornadas exploratórias em torno das vinhas marienses, que decorrem durante três dias, são organizadas pelo município de Vila do Porto com o objetivo de encontrar soluções sustentáveis para a recuperação e classificação das paisagens vinhateiras, e para a valorização económica e comercial da produção vitivinícola que caracteriza várias áreas da ilha", segundo adiantou a empresa de consultoria Sustain Azores.

Numa nota hoje divulgada, a Sustain Azores sublinha que "as vinhas e paisagens vinhateiras de Santa Maria representam um património cultural e paisagístico único nos Açores e no mundo, que necessitam de ser recuperados e valorizados".

Durante os próximos dias estarão a percorrer a ilha vários especialistas, a convite do município, com "o objetivo de contribuírem para um debate aberto com os marienses e as entidades públicas e associativas acerca de possíveis modelos de gestão deste património único".

Hoje serão realizadas visitas de terreno a diversos produtores de vinho e às paisagens vinícolas.

Segundo a Sustain Azores, "a equipa no terreno inclui David Jacques, especialista internacional em proteção de paisagens-património e representante da UNESCO, Isabel Albergaria, historiadora e especialista em património paisagístico da Universidade dos Açores, Joana Borges Coutinho, agrónoma e especialista em políticas de desenvolvimento sustentável na Sustain Azores e António Maçanita enólogo internacionalmente reconhecido e dinamizador da Azores Wine Company".

Na segunda-feira estão previstas reuniões com produtores, terminando o dia com um encontro-debate aberto a residentes e proprietários de vinhas.

Para finalizar, na manhã de terça-feira será realizada uma mesa redonda na Câmara Municipal de Vila do Porto que "debaterá possíveis modelos de gestão e cooperação para fazer avançar as prioridades de classificação da paisagem e valorização da vinha", acrescenta a nota de imprensa.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.