Investigadora Isabel Estrada entra no Parlamento Europeu após morte de André Bradford

Investigadora Isabel Estrada entra no Parlamento Europeu após morte de André Bradford

 

Lusa/AO Online   Regional   18 de Jul de 2019, 16:54

A professora universitária e investigadora Isabel Estrada Carvalhais, que ocupa o primeiro lugar na lista dos não eleitos socialistas nas europeias, entra para o Parlamento Europeu após a morte do eurodeputado André Bradford.

Nas eleições europeias de 26 de maio, Isabel Estrada Carvalhais foi a representante do PS por Braga ao sufrágio, ocupando o décimo lugar na lista socialista que foi entregue ao Tribunal Constitucional.

Isabel Estrada Carvalhais, de 46 anos, é professora de Ciência Política e Relações Internacionais na Universidade do Minho, onde dirige o programa de doutoramento e de licenciatura nessa área.

Tem um doutoramento em Sociologia pela Universidade de Warwick, no Reino Unido, um mestrado em Sociologia pela Universidade de Coimbra e tirou uma licenciatura em Relações Internacionais pela Universidade do Minho.

O eurodeputado do PS André Bradford, que estava em coma induzido desde dia 8 deste mês, morreu hoje no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.