Hospital da Horta e Câmara da Madalena celebram acordo

Hospital da Horta e Câmara da Madalena celebram acordo

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   19 de Fev de 2019, 19:00

O Hospital da Horta e a Câmara Municipal da Madalena, assinaram, esta terça-feira, um acordo que salvaguarda a qualidade da água da Unidade de Diálise Periférica do Centro de Saúde da Madalena e a segurança do tratamento dos doentes.

Na ocasião, o diretor regional da Saúde, Tiago Lopes, referiu que o facto da água do concelho da Madalena ser boa para consumo público, não implica que dispense um tratamento especial para a diálise.


“É assim em todas as unidades de diálise, há parâmetros que têm de ser monitorizados e reajustados, como o cálcio, o magnésio e o cloro, por exemplo. Só depois da garantia da estabilização desses valores em permanência durante três meses é que estaremos em condições de abrir este serviço”, disse, citado em nota do executivo.


De acordo com o protocolo agora assinado, a Câmara Municipal da Madalena disponibilizará de forma regular e periódica ao Hospital da Horta, no mínimo com periodicidade trimestral, os resultados do controlo operacional que entenda efetuar em qualquer ponto de amostragem que seja representativo da água fornecida à Unidade de Diálise.



A Unidade de Diálise do Centro de Saúde da Madalena é uma extensão do Serviço de Hemodiálise do Hospital da Horta, que prevê cinco postos de tratamento, um gabinete médico e instalações técnicas.


A obra representa um investimento de 165 mil euros e irá melhorar a prestação de cuidados aos doentes hemodialisados do Pico.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.