Homem morre com Gripe A no Hospital de Ponta Delgada

Carregando o video...

 

Paula Gouveia/Luís Silva   Regional   29 de Out de 2009, 13:35

Morreu esta manhã, nos Serviços de Urgência do Hospital Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, um homem de 50 anos, infectado com o vírus H1N1 (Gripe A).

 Segundo Laurindo Frias, director clínico da unidade hospitalar de Ponta Delgada, o doente deu entrada no Serviço de Urgência, ontem, às 23h47, "com sintomas de grave dificuldade respiratória e critérios de falência multiorgânica, tendo sido imediatamente entubado e ventilado".

O homem, explicou o médico, sofria de doença crónica e "já se encontrava há dois dias com sintomas de infecção respiratória, não tendo recorrido à Linha Saúde Açores ou a cuidados médicos".

O director clínico do Hospital Divino Espírito Santo acredita que a gravidade do estado do paciente que apresentava um quadro de pneunomia e gripe, "tem a ver com a patologia de base", ou seja à doença crónica de que padecia.

No Hospital Divino Espírito Santo, está internada na Unidade de Cuidados Intensivos, uma mulher de 53 anos infectada com o vírus H1N1. Trata-se da situação mais grave entre os casos de internamento por Gripe A no Hospital Divino Espírito Santo. Segundo o director clínico, a mulher deu entrada ontem, ao fim do dia, na unidade hospitalar, mas registou uma evolução favorável do seu estado.

Estão ainda internados no Hospital de Ponta Delgada outros quatro adultos com Gripe A e ainda uma criança.

À margem dos trabalhos parlamentares que estão a decorrer na cidade da Horta, o secretário regional da Saúde, Miguel Correia, apelou à população para que não deixe de telefonar ou dirigir-se aos serviços de atendimento à gripe quando surgem os sintomas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.