Homem encontrado amarrado em viatura junto a posto da GNR


 

Lusa / AO online   Nacional   14 de Nov de 2007, 15:03

Um homem foi hoje encontrado amarrado e amordaçado dentro da sua viatura, estacionada junto ao posto da GNR de Canelas, em Gaia, disse à Lusa fonte dos Bombeiros Sapadores de Gaia.
O Gabinete de Relações Públicas da GNR, que confirmou à Lusa a informação, referiu que a vítima, de 42 anos, relatou ter sido abordado por dois homens armados e encapuzados terça-feira, na Via 13, em Laborim, Gaia, quando se encontrava no interior da sua viatura.

Os dois assaltantes entraram na viatura e ordenaram-lhe que conduzisse rumo à auto-estrada A29 e depois seguisse em direcção a Aveiro, onde chegaram às 12:30 (hora local).

Em Aveiro, um dos desconhecidos ausentou-se do carro durante cerca de quatro horas, após o que regressaram os três a Gaia, onde chegaram já de noite.

Chegados a Gaia, os assaltantes ordenaram à vítima que passasse para o banco dianteiro do lado direito da viatura, após o que o amarraram pelos pulsos à porta e pelo pescoço ao cabeço do banco.

Os assaltantes conduziram depois a viatura para junto do posto da GNR de Canelas, abandonando então a vítima dentro do carro, amarrada, sem que nada lhe tivesse sido roubado.

A vítima só viria a ser encontrada hoje, pelas 10:30 (hora local), por um camionista que passou no local e avisou a GNR.

Foram chamados os Bombeiros Sapadores de Gaia, que conduziram a vítima ao Hospital Santos Silva, em Gaia, onde recebeu tratamento a escoriações que apresentava no braço direito e no pescoço.

A Polícia Judiciária está a investigar estes factos.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.