Sismo no Haiti

Governo português desconhece paradeiro de dois portugueses

Governo português desconhece paradeiro de dois portugueses

 

Lusa / AO online   Internacional   14 de Jan de 2010, 09:53

O Governo português desconhece ainda o paradeiro dois portugueses e um angolano que estariam no Haiti na terça-feira, quando um sismo devastou o país, que terá provocado mais de 100 mil mortos e milhões de desalojados.
Fonte do gabinete do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, António Braga, explicou que dos três cidadãos que estavam registados na embaixada de Portugal em Cuba como sendo residentes no Haiti falta contactar um.

"Os restantes dois estão bem, apesar de um deles ter sofrido uma lesão numa perna", disse a mesma fonte.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.